Rectangle 3

TÁ NA HORA DE ROLL AND FEEL

TÁ NA HORA DE ROLL AND FEEL

Rectangle 3

O MUSEU NACIONAL DO AZULEJO DE LISBOA

Museu Nacional do Azulejo uma obra única

Portugal é sinónimo de azulejos e Lisboa não é exceção. Durante os seus passeios pela capital vai deparar-se com alguns edifícios cobertos de azulejos, mas sabia que também existe um museu do azulejo? Estamos a falar do Museu Nacional do Azulejo de Lisboa e, independentemente dos azulejos que tenha visto, deve entrar para conhecer a história de algo tão típico de Portugal.

E o que é que há num museu do azulejo? Algo que vão adorar. Pois bem, vai adorar este museu do azulejo em Lisboa, que não sabemos se existem outros em todo o mundo e o que têm. Para começar, está instalado num convento do início do século XVI: o Convento da Madre de Deus. Para continuar, há amostras de azulejos com cinco séculos de história. E, para terminar, um enorme mural – feito de azulejos, obviamente – que mostra Lisboa antes do terramoto de 1755.

Depois de visitar o Museu do Azulejo de Lisboa, nunca mais vai olhar para a sua casa de banho da mesma forma.

VISITA AO MUSEU DO IPIRANGA: O QUE PRECISA SABER!

UMA VISITA AO MUSEU NACIONAL DO AZULEJO EM LISBOA

De onde vem o costume de usar azulejos para decorar os edifícios portugueses? Quando é que os azulejos se tornaram populares como elemento decorativo? Como é que os estilos e desenhos mudaram ao longo dos séculos? Qual é a origem da própria palavra “azulejo”?

Pode não se ter colocado todas estas questões enquanto deambulava pelas rotas de Lisboa, mas algumas delas podem ter-lhe passado pela cabeça. Pois bem, veio ao sítio certo: o Museu Nacional do Azulejo de Lisboa tem todas as respostas. Da tradição islâmica às importações de Valência, Sevilha ou Toledo. Dos desenhos geométricos às representações da vida de santos ou cenas de costumes locais. Da variedade de cores – amarelo, verde, azul… – ao clássico azulejo azul sobre branco.

ESTADIO MARACANÃ: VISITE ESTE ESTÁDIO E O MUSEU DENTRO DELE 

A visita é efectuada por ordem cronológica. Começará com os primeiros desenhos geométricos e coloridos que lembram o período islâmico. E, à medida que se aprofunda no antigo convento, vai avançando pelos séculos até chegar, no final da sua visita, aos azulejos de hoje. Porque sim, os clássicos azulejos de Lisboa são clássicos, mas continuam a ser feitos e desenhados novos padrões. Como acontece, por exemplo, com os mosaicos de Ravena.

MUSEUS IMPERDÍVEIS

Escusado será dizer que não estamos a falar de um museu gigantesco onde é preciso saltar de sala em sala rapidamente para não passar o dia inteiro lá dentro. Em cerca de uma hora e meia, poderá vê-lo na sua totalidade. Foi o tempo que demorámos, lendo quase todas as placas, olhando para os pormenores e tirando muitas fotografias.

MUSEU DO AMANHÃ: UMA OLHADA NO FUTURO! 

O RETÁBULO DA IGREJA DE NUESTRA SEÑORA DE LA VIDA

Uma das jóias da coleção é o retábulo da igreja de Nossa Senhora da VidaNossa Senhora da Vida-. No final do século XVI ainda havia muita cor nos azulejos portugueses, como demonstram os cerca de 1.500 – 1.498 para ser exato – que compõem este retábulo. Azuis, verdes, amarelos, ocres, marrons… Já alguma vez viu um retábulo de azulejos?

QUARTO DE DOM MANUEL

Após o terramoto de 1755, muitos edifícios em Lisboa ficaram em ruínas, mas os seus azulejos foram salvos. Exemplo disso é a Sala de Dom Manuel, com azulejos do Convento de Santa Ana. Dom Manuel é nada mais nada menos que Manuel dos Santos, um dos grandes pintores de azulejos do período áureo da azulejaria portuguesa, conhecido como o “ciclo dos mestres“, entre 1690 e 1725.

CERVEJARIA BOHEMIA HISTÓRIA: A PRIMEIRA CERVEJARIA DO BRASIL

A IGREJA

A igreja do convento deixou-nos impressionados. Desde os azulejos das paredes, ao dourado das molduras dos quadros, ao teto em caixotões e às colunas do retábulo. Para não falar do próprio retábulo ou do púlpito. Vai ser difícil sair dali, mas temos boas notícias para si: continuando a sua visita, chegará ao coro e poderá apreciá-lo de cima. Antes de entrar na igreja, aproveite para admirar os pormenores do coro baixo.

O “CLAUSTRO”

Os dois pisos do claustro do convento da Madre de Deus estão decorados com motivos geométricos. Repare bem nos azulejos das escadas. Sim, também há azulejos nas escadas. Estão pintados de forma a que os elementos sejam verticais, embora os azulejos estejam colocados seguindo a linha inclinada da escadaria.

CATEGORIAS

ÚLTIMOS POSTADOS

TAG

ÚLTIMOS POSTADOS

RICARDO ROUSSELOT: JÚRI DO NOSSO CONCURSO E MESTRE DO DESENHO

Don’t forget our 100 years Smoking contest as we celebrate our 100 years of heritage! We’ve assembled an all-star panel of judges, including members of MCM, our esteemed partners at Rousselot, and international partners from the Smoking Creators line.  Today we talk about Ricardo Rousselot, jury of our contest and master of lettering design! Surely, […]

OS 5 MELHORES PARQUES DE DIVERSÕES DA EUROPA!

Damos uma vista de olhos aos 5 melhores parques de diversão mais impressionantes da Europa. Temos certeza de qual deles visitaremos primeiro, e você? Os parques de diversões mais espetaculares da Europa Adrenalina, emoção, alegria, ilusão e muita diversão. Uma combinação de emoções positivas que desfrutaremos se passarmos um dia num parque de diversões. P […]

ESTILO INDIE: RAÍZES, INFLUÊNCIAS E DICAS

O estilo indie, também chamado de indie rock, é um movimento cultural e musical que surgiu nas décadas de 1980 e 1990 e hoje envolve não só a música, mas também a moda e o estilo de vida. O conceito “indie” deriva de “independente” e representa uma atitude alternativa e contracultural. Neste post, vamos explorar […]

RICARDO ROUSSELOT: JÚRI DO NOSSO CONCURSO E MESTRE DO DESENHO

Don’t forget our 100 years Smoking contest as we celebrate our 100 years of heritage! We’ve assembled an all-star panel of judges, including members of MCM, our esteemed partners at Rousselot, and international partners from the Smoking Creators line.  Today we talk about Ricardo Rousselot, jury of our contest and master of lettering design! Surely, […]

OS 5 MELHORES PARQUES DE DIVERSÕES DA EUROPA!

Damos uma vista de olhos aos 5 melhores parques de diversão mais impressionantes da Europa. Temos certeza de qual deles visitaremos primeiro, e você? Os parques de diversões mais espetaculares da Europa Adrenalina, emoção, alegria, ilusão e muita diversão. Uma combinação de emoções positivas que desfrutaremos se passarmos um dia num parque de diversões. P […]

ESTILO INDIE: RAÍZES, INFLUÊNCIAS E DICAS

O estilo indie, também chamado de indie rock, é um movimento cultural e musical que surgiu nas décadas de 1980 e 1990 e hoje envolve não só a música, mas também a moda e o estilo de vida. O conceito “indie” deriva de “independente” e representa uma atitude alternativa e contracultural. Neste post, vamos explorar […]

RICARDO ROUSSELOT: JÚRI DO NOSSO CONCURSO E MESTRE DO DESENHO

Don’t forget our 100 years Smoking contest as we celebrate our 100 years of heritage! We’ve assembled an all-star panel of judges, including members of MCM, our esteemed partners at Rousselot, and international partners from the Smoking Creators line.  Today we talk about Ricardo Rousselot, jury of our contest and master of lettering design! Surely, […]

OS 5 MELHORES PARQUES DE DIVERSÕES DA EUROPA!

Damos uma vista de olhos aos 5 melhores parques de diversão mais impressionantes da Europa. Temos certeza de qual deles visitaremos primeiro, e você? Os parques de diversões mais espetaculares da Europa Adrenalina, emoção, alegria, ilusão e muita diversão. Uma combinação de emoções positivas que desfrutaremos se passarmos um dia num parque de diversões. P […]

ESTILO INDIE: RAÍZES, INFLUÊNCIAS E DICAS

O estilo indie, também chamado de indie rock, é um movimento cultural e musical que surgiu nas décadas de 1980 e 1990 e hoje envolve não só a música, mas também a moda e o estilo de vida. O conceito “indie” deriva de “independente” e representa uma atitude alternativa e contracultural. Neste post, vamos explorar […]

Newsletters

AS ÚLTIMAS NOVIDADES DO
ROLL AND FEEL? ASSINE O NEWSLETTER AQUI

FIQUE LIGADO NÃO PERCA NOSSAS HISTÓRIAS!